28.51°C Brasília

24 de fevereiro de 2024

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Nasce “Retratos com o tempo”, de Joana Herkenhoff

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Cultura / Literatura Nasceu mais um livro: “Retratos com o tempo”, filho literário da escritora e Dra. Joana Herkenhoff, mineira

A Experiência do Cliente do Bar de Rock

Projeto idealizado pelo jornalista Roberto Teixeira.

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-3


Por Roberto Teixeira – Jornalista e Me. em Comunicação.

Nada melhor do que sentar em um bar e ter a garantia e tranquilidade de que não ouvirá música ruim, em um ambiente com a ideia de totalmente despojado, não é mesmo? Um verdadeiro oásis, que pode somar a cerveja, petisco de primeira e a resenha com os amigos.

É assim que se sentem os rockers quando chegam em um barzinho que toca o estilo preferido. É a tal customer experience ou “experiência do cliente”. O conceito está em alta nos últimos anos, em que estamos na chamada Era do Cliente. O papa do marketing, Philip Kotler tem chamado muita atenção neste sentido.

Não é só produto de qualidade que conta. Sensações e vivências é que contam prioritariamente. Os consumidores são mais do que nunca peças essenciais de qualquer negócio e exigem uma experiência de consumo cada vez mais qualificada.

Talvez o mais famoso dos bares é o CBGB & OMFUG (Country Bluegrass Blues and Other Music For Uplifting Gormandizers), inaugurado em 1973, no bairro East Village, em Nova York. O público-alvo começou com os fãs de country e blues, mas depois o foco mudou para as bandas mais alternativas na época (lê-se de rock!).

Era pequeno, escuro, chão irregular, teto descascado, palco levemente inclinado e os banheiros com as paredes todas pichadas. No estilo, podem chegar rockers de todos as vertentes e modos de vestir e sentir a vida. É assim, inspirador para todos os bares de rock que vieram em seguida e para o movimento punk norte-americano começou. Ficou para a história como referência de lugar ótimo.

Projeto idealizado pelo Jornalista Roberto Teixeira.

Bar bom
O bar tradicional de música boa é o do Mauro Pé de Galinha. Ele abriu por lá em 1997, em Valparaíso, Serra. Estava desempregado, seria uma opção de resolver o sustento da família (naquele momento com esposa e filhos). Depois disso, foi muita satisfação (claro, ouvindo rock hehehe). Petisco, comida de boteco, cerveja gelada, karaokê famoso, com rock do bom.

*O texto é de livre pensamento do colunista*


Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-3

Roberto Teixeira –  Jornalista e Mestre em Comunicação. (Imagem: Divulgação).

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

Tags

Talvez queira ler esses Artigos

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Nasce “Retratos com o tempo”, de Joana Herkenhoff

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Cultura / Literatura Nasceu mais um livro: “Retratos com o tempo”, filho literário da escritora e Dra. Joana Herkenhoff, mineira

Shopping Basket