28.51°C Brasília

25 de fevereiro de 2024

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Nasce “Retratos com o tempo”, de Joana Herkenhoff

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Cultura / Literatura Nasceu mais um livro: “Retratos com o tempo”, filho literário da escritora e Dra. Joana Herkenhoff, mineira

Fotografia em Movimento: projeto fotografa produtos de empreendedores do Território do Bem

O professor Claudio Postay orientando a turma como fotografar de um melhor ângulo. (Imagem capa: José Salucci).

O Projeto Fotografia em Movimento realizou mais uma de suas oficinas semanais. Ontem (18), no Ponto de Cultura Varal Agência de Comunicação, em Itararé, Vitória, os participantes do Ciclo de Formação tiveram uma interessante aula em oficina de Fotografia de Estúdio, com prática em fotografia de produtos.

A temática da oficina incluiu uma parceria entre empreendedores do Território do Bem e o trabalho prático dos oficineiros em fotografar os produtos. Na ocasião, os 10 alunos participantes fotografaram produtos de artesanato de utensílios e decoração de cozinha, entre crochê, apoios para prato, apoios para panelas, e mais utilidades. Todos estes pertencentes as ‘Três Bordadeiras’, um grupo de três artesãs de São Benedito.

Oficineira fotografando os produtos das ‘Três Bordadeiras’. / Foto: Abigail Guerce.

Oficineira fotografando os produtos das ‘Três Bordadeiras’. / Foto: Abigail Guerce.

Outro produto fotografado pelos alunos foram os acessórios do ‘Arame sem Farpa’, produtos feitos de fio de alumínio, como anéis, pulseiras, cordões e joias. A empreendedora Iaiá Rocha, moradora de Itararé, é a criadora da marca.

Oficineira fotografando os produtos do ‘Arame sem Farpa’. / Foto: Abigail Guerce.

Oficineira fotografando os produtos do ‘Arame sem Farpa’. / Foto: José Salucci.

Toda essa produção e arranjo fotográfico passa pelo olhar e direção do professor Claudio Postay, 51, que comenta o que tá rolando de melhor no projeto. “Estamos ensinando técnica de flash, de fundo, de composição, de direção de imagem. E o detalhe melhor: técnica de equipamento. O que você usa pra fazer a fotografia… e com o custo baixo… Com equipamento moderno, e ao mesmo tempo, substituir esse equipamento, que é caro pra caramba, por um equipamento mais acessível. Então a gente tá dando umas dicas, não só de como fotografar, mas do que comprar pra fotografar, e do que usar aquilo que você tem pra fotografar”, disse o fotógrafo, que tem 36 anos de profissão, e atualmente exerce o fotojornalismo.

O projeto “Fotografia em Movimento” oferece um Ciclo de Formação de 114 horas para jovens/adultos, fotógrafos iniciantes ou não. Com a proposta de ressignificar o conceito daquilo que é considerado o belo. As oficinas, que começaram em abril e terão término em agosto, capacitam os participantes a dominarem conceitos e técnicas fotográficas para realizarem atividades aleatórias e de mercado de trabalho.

E quem está imerso nessa criatividade de fotografar e aproveitar a oportunidade de crescer no mercado de trabalho, é o oficineiro Carlos Eduardo, 27, morador do bairro República. “É muito importante que as pessoas tenham acesso a qualquer tipo de conteúdo, seja ele inicial ou até mais pra se aprofundar, porque é isso… O conhecimento serve para ser espalhado e tem que tá na mão cada vez mais de pessoas. Isso abre portas, a pessoa é apresentada a outras referências”, disse o oficineiro, que é Fotógrafo de Produtos.

Carlos ainda acrescenta o aprendizado sobre as técnicas de fotografar, que já aprendeu na oficina. “O quesito de técnica é mais o flash… Tive pouco contato com flash, então tô tendo mais contato aqui e poder aprender essa ferramenta, que é muito importante, abre um leque de possibilidades na fotografia”, completou.

Outra participante que tá curtindo o curso, é a Abigail da Costa Guerce, 18.  A estudante, moradora do bairro Itararé, fica ligada nas explicações do professor Claudio e revela habilidade e técnica na hora de clicar.

“Eu tô curtindo a área visual, de montar cenários, a área da iluminação, né? Aquela coisa de brincar… Você aprende muita coisa nova… A galera gosta, a gente curti muito!”, comentou a oficineira, que gosta da área de Artes Visuais e que pretende cursar Publicidade.

A oficina de Fotografia de Estúdio prossegue nesta quinta-feira com a mesma temática, a partir das 18h até às 20h30. Já no sábado, pela manhã, uma nova prática de clicks acontece. Na ocasião, passistas de escola de samba serão fotografadas.

Diante dessas possibilidades de aprendizado para fomentar a carreira de fotógrafo e poder potencializar o próprio negócio, a aula de fotografia de produtos pôde esclarecer mais técnicas, cenário e composição, porém o professor Claudio pontua que sem a criatividade, não é possível ter resultado positivo.

“Você vê o resultado… a galera já começou a fotografar, a entender um ângulo diferente e vê que fotografia é criatividade. Tem ali o produto, tem o fotógrafo, tem o equipamento, mas se não tiver criatividade pra compor aquilo, não tem resultado nenhum”, concluiu o fotógrafo e professor Claudio Postay.

Exposição

No final do Ciclo de Formação, os registros feitos pelos participantes, durante as aulas, irão compor uma exposição fotográfica, que será lançada em setembro, na Laje da Varal Agência de Comunicação, em Itararé, aberta ao público local e visitantes.

Toda essa produção empreendedora cultural é realizada pelo Ponto de Cultura Varal Agência de Comunicação/Ateliê de Ideias, com recursos do Funcultura – Edital 017/2021 -Setoriais de Artes Visuais, da Secretária de Cultura do Estado-SECULT.

Foto de composição e arranjo. No fundo da imagem, exposto os produtos das ‘Três Bordadeiras’. / Foto: Abigail Guerce.

 

Serviço
Empreendimento: Arame Sem Farpa – clique @instagram.
Empreendimento: Três Bordadeiras – contato: (27) 99747-6715.

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

Tags

Talvez queira ler esses Artigos

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Nasce “Retratos com o tempo”, de Joana Herkenhoff

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Cultura / Literatura Nasceu mais um livro: “Retratos com o tempo”, filho literário da escritora e Dra. Joana Herkenhoff, mineira

Shopping Basket