PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter), trouxe um cânone

Empreendedorismo de alto impacto

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Criativos Por Samuel J. Messias – Gerente de Projetos Especiais na ADERES O empreendedorismo de alto impacto é uma

Dilemas de uma comunicação pós-moderna

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Letrados Por Magda Simone / professora de Língua Portuguesa. “A tecnologia não é boa nem má; depende

Galinhas ou beija-flores?

(Imagem: Enciclopédia Significados)

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39.


Coluna Letrados
Por Sueli Valiato – professora de Língua Portuguesa e Literatura.

Em meu quintal cultivo plantas medicinais, temperos e diversas flores. E no quintal do meu vizinho tem galinhas… Certa vez retornando de uma viagem, ao chegar a minha casa, me deparei com um cenário que fez indagar-me: Eu quero ter perto de mim galinhas ou beija-flores?

Pois, enorme foi o meu susto ao constatar que na minha ausência, algumas dessas galinhas pularam para o meu quintal e ciscaram todos os canteiros a procura de bichinhos. E, à medida, que elas encontravam o que mariscar iam ciscando cada vez mais e mais… Ciscaram tudo… Só resistiram à ação desastrosa das galinhas algumas plantas… Aquelas que tinham raízes mais profundas. Fiquei pensando:

– Será que para conseguir o que queriam, as galinhas precisavam revirar tudo, bagunçar o meu quintal daquela forma?

Enquanto reorganizava os canteiros, me lembrei de que diariamente os beija-flores também adentram o meu quintal à procura de nutrientes, sem causar dano algum. Digo isso, porque sempre que posso, fico assistindo à forma como eles se aproximam das flores e retiram o que necessitam. É com tanto cuidado que eles tocam as flores que parecem cortejá-las.  E voltam inúmeras vezes, até que cada flor morra naturalmente ou qualquer intempérie a faça perecer.

Deve ser por isso que eu nunca vi beija-flores em gaiolas… O que vejo, são bebedouros enfeitados para atraí-los… Eles são naturalmente encantadores!

De repente… Eclodiu em minha mente uma correlação entre o comportamento das galinhas com determinados perfis de seres humanos que, às vezes, adentram no quintal de nossa vida. Lembrei-me de inúmeras situações, em que, assim como as galinhas, os seres humanos adentram a vida alheia, ciscam tudo, causando estragos de diferentes naturezas, só porque não se satisfazem com o que encontram disponível.  E por meio de ações descomedidas, bagunçam, destroem os jardins de vidas alheias.

Pensei: é certo que entre nós existem seres humanos que têm mentalidade de galinha. Assim como têm seres humanos com comportamento de beija-flor… E, em quintal habitado por galinhas raramente veremos beija-flores!

As galinhas, diferentes dos beija-flores, já nascem com seus destinos traçados e bem conhecidos por todos… Por isso, se decidirmos por tê-las em nosso quintal, há de providenciarmos, primeiramente, um belo cercado e depois, constantemente, dispormos de tempo para aparar as penas das asas delas antes que baguncem, destruam o nosso jardim e o jardim de quem nos circunda!!!

*O texto é de livre pensamento da colunista*


Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39.

Sueli ValiatoGraduada em Letras – Licenciatura Plena em Língua Portuguesa e Literatura de Língua Portuguesa, pela UFES; pós-graduada em Educação do Campo pela FANORTE; professora de Língua Portuguesa no Ensino Fundamental II, no CEFFA de Japira, em Jaguaré-ES, integrante da Coordenação Geral e da Coordenação de Plano de Curso da RACEFFAES. / Foto: Divulgação.

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

Tags

Talvez queira ler esses Artigos

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter),

Empreendedorismo de alto impacto

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Criativos Por Samuel J. Messias – Gerente de Projetos Especiais na ADERES O empreendedorismo de alto

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter), trouxe um cânone

Empreendedorismo de alto impacto

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Criativos Por Samuel J. Messias – Gerente de Projetos Especiais na ADERES O empreendedorismo de alto impacto é uma

Dilemas de uma comunicação pós-moderna

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Letrados Por Magda Simone / professora de Língua Portuguesa. “A tecnologia não é boa nem má; depende

Shopping Basket