PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Você sabe o que significa Matsuri?

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Mundo Geek Por Everton Souza / Empreendedor, webdesigner e apaixonado por cultura Geek. Os matsuris são festivais tradicionais que acontecem em

A quem serve a educação brasileira?

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Sueli Valiato/ professora de Língua Portuguesa e Literatura. Caríssimo (a) leitor (a), nos últimos tempos,  tenho pensado muito e

‘Moqueca de Palhaço – V Festival de Palhaçaria Capixaba’

O Centro de Vitória será o local em que se irá misturar vários ingredientes de arte, cultura, diversão e crítica social. (Imagem: Thompson Griffo).

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39.


Cultura / Arte Circense

“Moqueca de Palhaço” foi o nome escolhido para marcar o V festival que começa no dia 28 de abril em Vitória reunindo mais de 10 grupos de rua, dos palcos e do circo. O Centro de Vitória vai ser a “panela de barro” para misturar vários ingredientes de arte, cultura, diversão e crítica social. A programação  começa  no domingo  (28 de abril) e vai até o outro domingo (05 de maio), contando com oficinas, rodas de conversa, espetáculos, cortejo de rua e festa.

Segundo Amora Gasparini, uma das organizadoras, a Moqueca de Palhaço busca contribuir tanto para a formação de público, atraindo a população para assistir espetáculos e se aproximar da linguagem da palhaçaria, como para a formação dos próprios palhaços, sejam eles iniciantes ou experientes, já que não basta colocar um nariz vermelho, a construção do palhaço de cada um é um processo longo e complexo.

O festival tem iniciativa do Lacarta Circo Teatro com patrocínio da Lei Rubem Braga através dos  editais lançados pela Secretaria Municipal de Cultura de Vitória, articulam o evento em parceria com espaços culturais e comerciantes locais, além da participação de vários grupos, artistas, palhaças e palhaços, desde aqueles que trabalham no teatro de rua até os que participam de circos de  lona.

Entre os objetivos do festival está propiciar esse encontro entre vários artistas que habitam o território capixaba para fortalecer o intercâmbio cultural e também as reivindicações da categoria.

Apresentação do Moqueca de Palhaço no festival de 2023, no Centro de Vitória. (Foto: Thompson Griffo).

A abertura no domingo será com uma mostra de filmes temáticos produzido em território capixaba, performance e roda de conversa com o Mestre Renato Santos, do Quintal Bantu e um show musical com a banda de rock, Big River. As oficinas que acontecem nos dias seguintes terão como temas: Comicidade Preta – O Riso como Fabulação Insurgente; E o Palhaço o que É?; A Palhaçaria no Ambiente Hospitalar; e Comicidade Física – Quedas e Cascatas. Além das oficinas, ao decorrer da semana também terá rodas de conversa temáticas e espetáculos em espaços parceiros e ocupando os espaços públicos.

 Além disso, acontecem também dentro da programação o Cabaret Gala7, um cabaré de gala para todas as idades. O próprio uso da palavra cabaré, que por vezes é entendida de forma pejorativa, é vista como um nome a ser desmistificado, já que em essência significa um variété, espetáculo com diversos números curtos. Os espetáculos ‘Cabeça de Nego, ‘WWW para Freedom e ‘Canta, Canta Minha Gente’,  dos mestres convidados João Carlos Artigos – RJ, Ésio Magalhães – SP e Rodrigo Robleño – MG respectivamente. No domingo (05) já acontece a Festa ‘LAR – Latino América Resiste!’, que contará com músicos do Brasil, Chile, Argentina e Venezuela.

Amora considera que o momento político da cidade de Vitória torna ainda mais relevante a ação dos palhaços, vistos para além do entretenimento como personagens de transgressão, já que historicamente e em sua essência trazem o espírito da crítica social, usando elementos como ironia, fantasia e  sátira. “O palhaço é a voz do povo dentro da política e das discussões sociais.  É diferente quando se chama a atenção das pessoas de forma mais leve, tirando sarro, falando do que está acontecendo na nossa sociedade. Há uma distância muito curta entre palhaço e público, conseguem falar sobre coisas  muito íntimas, profundas, que as pessoas não conseguiriam conversar com  ninguém”, considera.

(Foto: Thompson Griffo).

Carlitos Cachoeira, que integra o Lacarta, considera que é importante formar uma rede de palhaços e artistas circenses para que se possa desde discutir a dramaturgia e a participação feminina até pensar as questões de trabalho. Palhaço, artista circense e músico, destaca a importância da retomada, reestruturação e ocupação dos espaços públicos tendo em vista a falta de equipamentos do Estado para ocupação artístico cultural. “O setor artístico cultural foi o mais afetado durante esses anos em que teatros consagrados se encontram fechados, precarizados ou subutilizados, no entanto, agradecemos a possibilidade de realizar esse evento tanto no espaço público, quanto em espaços parceiros independentes, importante reiterar que, graças a luta da classe artística, foram conquistados grandes avanços em se tratando de políticas públicas culturais para reparar esse setor tão afetado”, afirma.

É justamente retomar as ruas e incentivar os artistas a ocupá-las um dos sentidos de existência do Lacarta e da Moqueca de Palhaço. “É possível trabalhar na rua e viver de chapéu, é digno. Mas as políticas públicas também são importantes para fomentar as atividades culturais que vão muito além de editais”, diz o palhaço.

Compareça no mais importante festival de palhaçaria do Espírito Santo! (Foto: Thompson Griffo)

 

AGENDA CULTURAL

Festival “Moqueca de Palhaço”

Quando: 28 de abril a 05 de maio de 2024

Onde: Vários locais no Centro de Vitória/ES

Programação

Domingo (28-04)

17h: Abertura – Cine Clown: Filmes Capixabas – Casa de Bamba: Rua Gama Rosa, 143 (gratuito)

18h: Performance e Roda de Conversa – A Cultura Bantu no ES com Renato Santos – Casa de Bamba: Rua Gama Rosa, 143 (gratuito)

19h: Show – Banda Big River – Casa de Bamba: Rua Gama Rosa, 143 (gratuito)

Segunda-feira (29-04)

10h: Oficina – Comicidade Preta com João Carlos Artigos – RJ (gratuito)

Terça-feira (30/04)

10h: Oficina: E o Palhaço o que é? Com Ésio Magalhães – SP  (gratuito)

20h: Espetáculo: Cabeça de Nego – RJ (gratuito)

Quarta-feira (01/05)

16h: Cortejo Capixaba – Cúria Metropolitana de Vitória (gratuito)

20h: Roda de Conversa – FACA & Muda – Outras Economias (gratuito)

Quinta-feira (02/05)

10h: Oficina: Comicidade Física – Quedas e Cascatas com Carlitos Cachoeira (gratuito)

20h: Espetáculo: WWW Para Freedom – SP (gratuito)

Sexta-feira (03/05)

18h: Roda de Conversa: A Palhaçaria no Brasil e no Mundo (gratuito)

20h: Espetáculo – Cabaré Gala 7 (gratuito)

Sábado (04/05)

19h: Espetáculo – Canta, Canta Minha Gente – MG (gratuito)

21h: Espetáculo – Os Dias de Chabeli – ES (gratuito)

Domingo (05/05)

16h: Festa de Encerramento: L.A.R. – Latino América Resiste! (gratuito)

Locais:

– Abertura: Casa de Bamba Rua Gama Rosa, 143, Centro, Vitória.

– Cortejo Capixaba: Cúria Metropolitana de Vitória, S/N, Centro, Vitória.

– Oficinas: Má Companhia – Rua Professor Baltazar, 152, Centro, Vitória.

– Rodas de Conversa: Lacarta Circo Teatro – Rua Uruguay, 147, Centro, Vitória.

– Canta, Canta Minha Gente: Parque Moscoso – Av. Cleto Nunes, S/N, Centro, Vitória.

– Cabeça de Nego – RJ: Palácio da Cultura Sônia Cabral, Rua São Gonçalo, S/N, Centro, Vitória.

– Gala 7: Rua Sete de Setembro, S/N, Centro, Vitória.

– WWW Para Freedom – SP: Sesc Glória, Av Jerônimo Monteiro, 428, Centro, Vitória.

– LAR Latino América Resiste!: TAC Rua Gama Rosa, 143, Centro, Vitória.

 

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

Tags

Talvez queira ler esses Artigos

Você sabe o que significa Matsuri?

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Mundo Geek Por Everton Souza / Empreendedor, webdesigner e apaixonado por cultura Geek. Os matsuris são festivais tradicionais

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Você sabe o que significa Matsuri?

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Mundo Geek Por Everton Souza / Empreendedor, webdesigner e apaixonado por cultura Geek. Os matsuris são festivais tradicionais que acontecem em

A quem serve a educação brasileira?

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Sueli Valiato/ professora de Língua Portuguesa e Literatura. Caríssimo (a) leitor (a), nos últimos tempos,  tenho pensado muito e

Shopping Basket