PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Rockcongo: Orgulho nacional nos anos 90/2000

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Roberto Teixeira / Jornalista e editor do Capixabas no Rock Há duas semanas perdemos aquele que foi

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter), trouxe um cânone

Quais foram os 10 maiores shows de rock no Espírito Santo?

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39


Coluna Letrados
Por Roberto Teixeira – Editor do Capixabas no Rock.

Desta vez em nosso artigo, tivemos a ousadia de fazer uma listinha dos maiores que pode causar muitas contestações por se tratar de algo tão subjetivo e eclético. E, ainda, pode ser alterado no transcorrer dos anos, a partir da reflexão de nossas vivências. De qualquer forma, vamos lá, tentamos elencar os 10 mais, veja se concordam ou faça sua própria eleição.

Publicidade

Parceiro do Jornal Merkato: Bar tradicional do Mauro Pé de Galinha, em Valparaíso, Serra. Marca registrada do bar: petiscos, comida de boteco, cerveja gelada e karaokê famoso.

Mas, o que parece consenso é que os shows do ex-beatle Paul McCartney, no estádio Kleber Andrade, e a banda alemã Scorpions, na Praça do Papa, não pode faltar desta lembrança para quem esteve por lá.

Com vocês, os 10 maiores shows da história do rock no estado do Espírito Santo:

  1. O ex-beatle, Paul McCartney, no estádio Kleber Andrade, em 2014, fez para muitos o maior show da história do Espírito Santo. Foi o primeiro show da turnê ‘Out There’ realizada no Brasil, naquele ano e cerca de 33 mil pessoas estiveram lá.
  2. A banda alemã Scorpions fez um mega show lotado na Praça do Papa em 2005. Conhecida por seus hits como “Rock You Like a Hurricane” e “Wind of Change” entregou muito e deixou muitas emoções para quem foi.
  3. Histórico! Inesquecível! Os Titãs fizeram em junho do ano passado o que foi para muitos o maior show de uma banda brasileira de todos os tempos na história do Espírito Santo.
  4. Teve rock no Kuarup, em 1989, na Fazenda Camping, Barra do Jucu, em Vila Velha. Barão Vermelho (do Cazuza!), e o nosso Urublues!! por exemplo, estiveram por lá.
    30 mil pessoas foram participar. A inspiração foi o festival de povos indígenas do Xingu, em Mato Grosso.
  5. Os britânicos do Deep Purple, um dos criadores do heavy metal, fizeram um show memorável na Praça do Papa, em Vitória, em 1997. O show foi parte da turnê mundial da banda naquele ano.
  6. Os também britânicos do Motörhead, a banda mais “barulhenta do mundo”, liderados pelo saudoso frontman Lemmy Kilmister  tocou no Ginásio Álvares Cabral, em Vitória, em 2009.
  7. Sepultura, que está em sua turnê de despedida, lotou a Praia de Camburi em 2013. No público, muito além de metaleiros, famílias prestigiaram e se divertiram.
  8. Em junho de 2021, André Mattos, o maior vocal brasileiro do metal, faria com a banda Shaman seu último show no Espírito Santo. Parecia que a música tinha mesmo o tom de despedida do Ex-Angra, que veio a falecer de ataque cardíaco 2 meses depois, com apenas 47 anos.
  9. Os shows do “Dia D” ,na Praça do Papa, entram na lista. Manimal, Dead Fish, Casaca e muitos outros no auge passaram pelas edições. A primeira foi em 1999 e reuniu 8 mil pessoas na Praça do Papa.
  10. Legião Urbana, na formação com Renato Russo, fez o show da turnê “As Quatro Estações” em Vitória, em 1990, no Ginásio Álvares Cabral. Saudades, Renato Russo, falecido em decorrência das complicações da Aids em 1994!

Não dá para esquecer também, o Dia de Rock. O difícil é escolher uma edição como a melhor. Mas, certamente o evento realizou um dos grandes momentos do rock por aqui com as bandas convidadas, em organização capixaba de alto nível. Além disso, em 2020 a “famosa marca americana de motos” fechou suas portas no último dia do ano. Fica na lembrança muitos shows memoráveis da Harley Davidson.

Não parece real, mas eles estiveram mesmo por aqui! Controvérsias à parte, cada um tem o seu show da vida, o que vale mesmo são os momentos (muitos ainda sem os aparelhos celulares).

Se participou de algum desses shows, nos conte!

A ideia do Capixabas no Rock é produzir um e-book e lançar no Dia Mundial do Rock.

Iremos adorar que enviasse sua boa (ou má) lembrança inesquecível.

*O texto é de livre pensamento do colunista*

Publicidade

Anderson de Almeida Santos – CEO – Vitória Placas. @vitoriaplacasoficial


Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39

Roberto Teixeira –  Jornalista, Mestre em Comunicação e editor do projeto Capixabas no Rock. (Imagem: Divulgação).

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

Tags

Talvez queira ler esses Artigos

Rockcongo: Orgulho nacional nos anos 90/2000

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Roberto Teixeira / Jornalista e editor do Capixabas no Rock Há duas semanas perdemos

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Rockcongo: Orgulho nacional nos anos 90/2000

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Roberto Teixeira / Jornalista e editor do Capixabas no Rock Há duas semanas perdemos aquele que foi

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter), trouxe um cânone

Shopping Basket