PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Rockcongo: Orgulho nacional nos anos 90/2000

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Roberto Teixeira / Jornalista e editor do Capixabas no Rock Há duas semanas perdemos aquele que foi

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter), trouxe um cânone

Empreendedorismo de alto impacto

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Criativos Por Samuel J. Messias – Gerente de Projetos Especiais na ADERES O empreendedorismo de alto impacto é uma

“Ocupa a sete” começa hoje, às 19 horas, no Centro de Vitória

O evento acontece a partir desta sexta-feira (07) e vai até domingo (09), na Rua 7. (Imagem capa): Sheila Nogueira.

É tempo de ocupar a mente e a rua. O “Ocupa a sete”, movimento colaborativo para gerar agendas de lazer, cultura e oportunizar pequenos negócios, acontece a partir de hoje à noite, às 19 horas, no Centro de Vitória. A entrada é gratuita. Confira a agenda no fim da matéria.

Com um cenário de arte, dança, música, gastronomia, exposição, artesanato, os interessados em ocupar a tradicional Rua 7, na capital capixaba, poderão chegar hoje (07), às 19 horas, no Centro Cultural Triplex, na Costa Pereira, com entrada pela Rua 7. O arranjo de todo o percurso cultural segue entre os dias 08 (sábado) e 09 (domingo), no mesmo local, com o mesmo horário, das 9h às 16 horas.

Com a ideia de compartilhar uma agenda que traz artistas, jovens empreendedores, artesãos, numa combinação de possibilidades e experiências para movimentar a Economia Criativa, o evento é realizado pela  Varal Comunicação e o Coletivo Arte Livre. O “Ocupa a sete” também conta com o apoio do Triplex e do CRJ – Centro de Referência das Juventudes – no Território do Bem, Vitória.

“A ideia é fortalecer as engrenagens da economia criativa na cidade, de modo que ela consiga acolher jovens da periferia”, disse Sheila Nogueira, coordenadora de Articulação do Centro de Referência das Juventudes (CRJ), no Território do Bem.

A coordenadora explica o impulso que a Economia Criativa pode proporcionar nesses eventos e enfatiza as pretensões de oportunidades que  jovens, moradores de periferias, podem ter, quando o assunto é a prática de criar de um modo empreendedor.

“A Economia Criativa reúne modelos de negócios baseados na criatividade autoral, de modo que a gente consiga reconhecer ali, a identidade de quem criou, a assinatura intelectual, a capacidade original de criação. Preferencialmente, pode estar relacionada a cultura e a contracultura. Essa lógica pode estar relacionada a cadeia produtiva, as relações de consumo e a gestão”, explicou.

Bendita Feira na Assembleia Legislativa. Foto: Renato Moulin

A coordenadora ainda enfatizou. “É preciso investir em formação e criar agenda para possíveis relações de consumo. Não adianta criar oportunidades de relações de consumo sem preparar essa galera”, concluiu.

Outro parceiro na construção desse evento ocupacional, é o Coletivo Arte Livre, criado a partir da observação de mercado em articular lugares, feiras, eventos para suprir a demanda em que os artistas possam expor seus produtos e criatividades sem desembolsarem tantos encargos e obterem maior auto-gerência. “É um sonho que a gente vai realizar. Vamos fazer uma ocupação bonita e com estilo. A gente quer que seja permanente. A gente pensou nessa temática: um encontro de feiras. Artistas, produtores criativos, música e gastronomia… tem a cara desse evento”, concluiu Rodolfo Talles Pinheiro Birchler, 33 anos, Artista Plástico e Produtor.

Toda essa ocupação conta com mais um leque de parceiros, A Varal Comunicação tá junto nessa parceria como um ponto de cultura que apoia as iniciativas da Economia Criativa. “A gente trabalha com a perspectiva de mostrar para cidade, não só para o morador do Território do Bem, as potencialidades do Território. Então quando a gente organiza, junto com outro coletivo, uma iniciativa no Centro de Vitória, fora da nossa sede, a gente leva pra cidade as potencialidades daqui do Território, fazendo a Economia Criativa do nosso bairro girar”, concluiu a coordenadora Geral da Varal Comunicação, Geisiane Teixeira.

Bendita Feira na Assembleia Legislativa. Foto: Renato Moulin

Serviço
Dia: 07 de julho – sexta-feira.
Horário: 18 horas (começa com uma exposição).
Local: Centro Cultural Triplex.
Atividades: Bendita Feira; Abertura da Exposição “Quando a rua é festa”!; Groove Sesson Vinil; Show Cardápio (Renzo, David Santos e SCARLOOP Musical; Sarau
Dia: 08 de julho – sábado.
Horário: 09h às 16 horas.
Local: Centro Cultural Triplex e Rua 7.
Atividades: Bendita Feira; Arte Livre; One Flag.
Dia: 09 de julho – domingo.
Horário: 09h às 16 horas.
Local: Rua 7 e Triplex.
Atividades: Bendita Feira; Arte Livre.

 

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

Tags

Talvez queira ler esses Artigos

Rockcongo: Orgulho nacional nos anos 90/2000

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Roberto Teixeira / Jornalista e editor do Capixabas no Rock Há duas semanas perdemos

PUBLICIDADE

MAIS RECENTES

Rockcongo: Orgulho nacional nos anos 90/2000

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Letrados Por Roberto Teixeira / Jornalista e editor do Capixabas no Rock Há duas semanas perdemos aquele que foi

A voz da liberdade brasileira é americana

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39 Coluna Polítikus Por José Salucci / Jornalista. Elon Mausk, dono da rede social X (antigo Twiter), trouxe um cânone

Empreendedorismo de alto impacto

Invista no Jornal Merkato! – Pix: 47.964.551/0001-39. Coluna Criativos Por Samuel J. Messias – Gerente de Projetos Especiais na ADERES O empreendedorismo de alto impacto é uma

Shopping Basket